Emely
A angustia bate a porta
E nem uma solução vem ajudar
O dinheiro faz falta
E não adianta negar


A família para sustentar
Entra em desespero
Atira para todos os lados
A procura de um emprego


A mente rica em idéias
Já não pode lhe ajudar
Não fique assim
Eu irei te acalmar


Em meio a um desemprego
Perder a cabeça não é a solução
Eu não tenho dinheiro
Mas vou lhe dar minha mão


Irmão, sei o quanto é difícil,
Mas precisa ser forte
Você já passou por isso
E não é culpa da sorte


Vai ficar tudo bem
Não precisa desesperar
Não posso lhe ajudar financeiramente,
Mas o meu melhor vou te dar.
1 Response
  1. Flávia Says:

    Esse foi um dos que mais gostei, rimadinho, lindinho, sincero.
    Apareça em Samamba pra comer o rocambole, rsss.
    Beijos


Postar um comentário